IEL

Inovação nos negócios é tema de palestra no IEL

18 de Junho de 2018

 

Inovação nos negócios é tema de palestra no IEL

 

Com o pensamento de que precisamos reavaliar nossas crenças e metodologias a fim de desafiar a lógica dominante de se fazer a coisa certa para se fazer melhor, o designer e consultor em design estratégico, Marcos Batista, apresentou na sexta-feira, 15, na FIEAM, a palestra “Inovação nos negócios, pensamentos disruptivos”, para empresários e alunos de MBA do IEL Amazonas.

Abordar problemas, buscar por novas informações e propor soluções inovadoras para os negócios, foram destacados pelo diretor regional do IEL, Nelson Azevedo, como primordial para manter a competitividade do mercado e se manter conectado com tudo que acontece no mundo hoje, em uma experiência de trabalho participativa e colaborativa na produção, gerando soluções originais e inovadoras.

“Sabendo que inovação é a mola propulsora das empresas, seja em inovação de produtos, de processo ou de mercado. Para a indústria inovar é papel fundamental e vital, desde o chão de fábrica até o escritório. É importante estar conectado com tudo que acontece hoje e se utilizar de ferramentas para isso”, disse ele.

A percepção do que é necessário para inovar, entendendo o cenário atual, os problemas e habilidades que você precisa ter para isso, tanto como profissional quanto as novas habilidades e consequências de uma organização, foi ressaltada pelo consultor Marcos Batistas como fatal para uma empresa dentro do mercado.

“A principal comunicação hoje está em cima de propósitos e não de produtos, faço provocações de tendências, tecnologia, mindset (mentalidade), para que vocês entendam que o mundo mudou e precisamos trabalhar de forma diferente, então quais são essas novas habilidades? O que eu tenho que fazer para que eu trabalhe de forma diferente? Se eu quero trabalhar de modo diferente eu preciso aprender coisas diferentes”, disse ele.

A ideia, segundo Batista, é fazer com que os empresários se mantenham inconformados com a sua situação dentro do mercado, porque essa “inconformidade” representa a principal habilidade de um empreendedor. “Empreendedor que não é inconformado é estagnado”, aponta ele.

Mudanças no mundo dos negócios são fatos indicados por Batista como fruto do novo momento do consumidor, mais atento à proposta das organizações em relação ao seu papel no mercado ou na sociedade. A comunicação dentro do mundo atual cada vez mais vulnerável, imprevisível e complexo, é relatada por ele, como formas de se tornar exponencial, ou seja, crescer sem limites.

“O que o mundo perderia se você ou sua empresa desaparecesse? Fazendo essa pergunta você tem a resposta na ponta da língua? Se vocês não têm essa resposta na ponta da língua a empresa de vocês não tem propósito e o propósito é a chave de sucesso para esse novo século. Empresa que não tem propósito não tem causa e, provavelmente, ela vai decair nos próximos anos”, frisou ele.

Trabalhando os conceitos de inovação, empreendedorismo, tendências, motivação, propósito, startup, branding, essência e motivação, o consultor estratégico Marcos Batista, deixou a reflexão para os presentes no evento de que para se ter uma empresa promotora de experiência é preciso tocar a alma das pessoas e o analfabeto do século 21 é aquele que não sabe aprender, que não sabe desaprender e que não sabe reaprender.

ATENDIMENTO À IMPRENSA

Diretoria de Comunicação e Marketing do Sistema FIEAM
Tel: (92) 3186-6576 Fax: (92) 3186-6579
E-mail: imprensa@fieam.org.br
Portal: http://www.fieam.org.br

Sistema FIEAM nas redes sociais
FIEAM: Facebook Twitter Instagram Youtube
SESI: Facebook Twitter Instagram Youtube
SENAI: Facebook Twitter Instagram Youtube
IEL: Facebook Twitter Instagram Youtube